Seguidores

terça-feira, 21 de junho de 2016

DA MINHA JANELA VEJO MUITA BELEZA...

A cada dia observo uma beleza diferente pela minha janela... E sempre procuro me esforçar para fazer com que observo muita beleza ao olhar para dentro da janela da minha alma...


























quarta-feira, 15 de junho de 2016

MEU PAÍS DO CORAÇÃO - TALENTO POÉTICO (CURITIBA - 2016)

Um dos meus poemas que faz parte da Coletânea: Talento Poético - Destaques poéticos em língua portuguesa, da Editora Becalete.


MEU PAÍS DO CORAÇÃO

A vida é uma jornada,
com escolhas e imposições.
Cada um escreve um pouco,
mas também faz parte das escritas,
de outros que cruzam seu caminho.
Num ensolarado mês de setembro,
minha mãe abandonou as plantações
às pressas,
e pariu.
No ano seguinte
a bordo de uma nau lusa
cruzei o oceano...
Enquanto um país deu-me a
LUZ,
o outro deu-me o sal da vida:
amores,
conhecimentos,
sabedoria...
Conduzido ao 
Ocidente
por mãos firmes,
a minha
LUZ
sempre permaneceu acesa.
A vida também é
uma jornada astral,
muitas vezes misturavam,
as saudades de onde apenas nasci,
com amores platônicos e reais,
dos variados caminhos que percorri...
Ainda bem que nasci
com apenas um coração,
evitando haver rixas de amor...
Meu coração é verde e  amarelo,
verde e vermelho,
azul e branco.

domingo, 12 de junho de 2016

AMIZADES ETERNAS...


Nesta Escola de São José do Rio Preto (SP), em 1967, nasceram, para mim, duas amizades eternas.

Uma, em 1970 tornou-se namorada por pouco tempo, e, em 1977 namorada ETERNA.

Outra, Dr Carlos Alberto Machado, tornou-se amizade eterna... 


                                  Na frente eu e o amigo Carlos nessa Escola (1967). 

Na época era um Grupo Escolar (Parque Industrial), cujas instalações foram utilizadas para acomodar uma extensão do então IEEMG (Instituto de Educação Estadual Monsenhor Gonçalves), Curso Ginasial. 


Na frente o amigo Carlos e na extremidade outro amigo eterno, Luiz Roberto Luize, que Deus levou aos 19 anos levando junto nossa amizade para a eternidade... Foto do dia da conclusão do Curso Ginasial, na extensão do IEEMG no Grupo Escolar "Voluntários de 32", quando era localizado na Rua São João (1968).

Da turma do "Voluntários de 32", nem todos ficaram como amigos, mas permaneceram nas lembranças eternas...




Cada um seguiu seu caminho, dispersados pelas distâncias, mas com certeza UNIDOS NUM SÓ CORAÇÃO!
                 ANOS 60, BELOS TEMPOS BELOS DIAS!!! 

terça-feira, 7 de junho de 2016

BORA CAMINHAR?

Sempre que vou a uma consulta ou exame médico sou questionado se faço exercícios físicos, no que respondo: “Aboli o carro na cidade e caminho no mínimo 10 km por dia, reservar um tempo exclusivamente para exercícios eu não consigo.” Acredito que nem aqueles médicos residentes em minha cidade, nessas horas, imaginam que os meus trajetos são parecidos com os das fotos (repletos de morros)... Nem sempre vou com todo esse equipamento, mas constantemente com sacolas de supermercados super-carregadas...
Isso me faz lembrar quando, em 1994, ao iniciar um curso de mestrado em Ilha Solteira (SP), ao abaixar-me para pegar algo que caiu e levantar-me rapidamente, o dono do Restaurante em que me encontrava (da minha faixa de idade), Sr. Gabriele, exclamou: “Se eu abaixar assim não consigo levantar mais!” Passaram-se 22 anos e minha flexibilidade continua a mesma... Como sempre gostei de abolir o carro, não com tanta agressividade, pode ter contribuído para que eu chegue aos 64 anos sem qualquer cirurgia, das mais simples que sejam (incluindo apêndice ou vesícula), sem qualquer internação e:
PA média: 12x07
Glicemia média 85
Colesterol e triglicérides dentro da normalidade
Não lembrar a data do último remédio tomado
Nem um dia de internação nesta vida