Seguidores

terça-feira, 28 de agosto de 2012

MEU BRASIL BRASILEIRO TAMBÉM TEM ADMIRAÇÃO MUNDIAL.


SETE DAS INÚMERAS MARAVILHAS DO MEU BRASIL.

Ao tentar selecionar sete vi que seria impossível, qualquer que fosse o critério selecionado, tendo em vista a enorme quantidade existente. Então optei por pegar, aleatoriamente, as que encontrasse primeiro. Mesmo assim dei aquele jeitinho brasileiro, colocando acima de sete...

1.      BRASIL TEM 82 ESCOLAS DE PRIMEIRO MUNDO EM ÁREAS POBRES

O Brasil ainda está distante da meta de garantir a toda criança um ensino de qualidade, mas há, dentre as mais de 40 mil escolas públicas do país, um pequeno grupo que se destaca pela excelência. São colégios que, mais do que simplesmente figurar nas primeiras posições de rankings de avaliação, conseguem algo ainda mais extraordinário: atender alunos de baixíssima renda e deixá-los com indicadores de qualidade compatíveis aos de nações desenvolvidas.
http://oglobo.globo.com/educacao/brasil-tem-82-escolas-de-primeiro-mundo-em-areas-pobres-5419543#ixzz22s4CDRWQ 


2.   PONTES ESTAIADAS  

A ponte Octávio Frias de Oliveira é um marco na arquitetura nacional, pois foi construída com um formato único no mundo: duas pontes em curva formando um X e sustentadas por estais ligados a um único mastro. Uma ponte estaiada é uma ponte suspensa por conjuntos de cabos de aço (os chamados estais, que dão origem ao nome estaiada), conectados a uma torre ou mastro com a função de dar sustentação às suas pistas.

A Maior ponte estaiada do país em águas fluviais, que entra para o RankBrasil, foi feita sobre o rio Negro e liga Manaus – capital do Amazonas – e a cidade de Iranduba.
É também a segunda maior ponte estaiada do mundo, ficando atrás apenas da ponte sobre o rio Orinoco, na Venezuela.  

3.    GERANDO ENERGIA LIMPA E MOTORIZANDO O MUNDO.

Existem momentos na história de um país que mudam o seu curso para sempre. Divisor de águas, neste caso literalmente, a construção de Itaipu, no Paraná, mudou cenários naturais, desenvolveu economias e hoje é a maior produtora de energia limpa e renovável do planeta. E se águas passadas não geram turbinas, as que correm hoje no rio Paraná têm rumo certo na maior hidrelétrica do mundo em geração de energia.

A sede "WEG II" em Jaraguá do Sul, é considerada o maior parque fabril de motores do mundo. No exterior, a WEG possui três parques fabris na Argentina, dois no México, um nos EUA, um em Portugal, um na China e um na Índia, inaugurada em Fevereiro de 2011, além de 22 filiais e representantes em mais de 100 países.
http://pt.wikipedia.org/wiki/WEG_Ind%C3%BAstrias

4.  CIMENTO ECOEFICIENTE

O engenheiro civil e pesquisador Paulo Helene também destaca esse comprometimento do setor com a responsabilidade ambiental. Segundo ele, as cimenteiras do Brasil estão entre as indústrias que mais praticam o conceito de sustentabilidade. É o que ele escreveu em seu mais recente artigo Sustentabilidade das Estruturas de Concreto. “Em 1987, a Brundtland Commission da ONU registrou a definição do termo sustentabilidade. A partir desse conceito, o mundo produtivo passou a trabalhar freneticamente no sentido de aperfeiçoar os processos industriais. Em particular, o setor de concreto conseguiu vitórias expressivas nesse campo, sendo o Brasil hoje considerado referência mundial em produção de cimentos com baixa emissão de CO²”, ressalta. 

5.   SABESP – COMPANHIA DE SANEAMENTO BÁSICO DO ESTADO DE SÃO PAULO


 A Fitch menciona ainda o fato de a Sabesp ser hoje a maior empresa de saneamento das Américas em número de clientes, além de atender a mais da metade dos municípios do Estado de São Paulo. Hoje, a Sabesp opera 363 cidades paulistas (de um total de 645) e atende a 27,6 milhões de pessoas.

Sabesp é homenageada na Bolsa de Valores de Nova York
Na ocasião, Dilma Pena apresentou a meta de universalizar os serviços de saneamento até o fim da década nas áreas atendidas pela Sabesp, a maior empresa de saneamento das Américas e a quarta maior do mundo em número de clientes: 27,6 milhões de pessoas.
http://www.saopaulo.sp.gov.br/spnoticias/lenoticia.php?id=219243&c=5331

A Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo (Sabesp) está no topo do ranking de Serviços Públicos de AS MELHORES DA DINHEIRO. A vitória da Sabesp reflete o bom momento vivido pela empresa, especialmente no ano passado, quando completou dez anos de participação na lista de ADRs negociados na Bolsa de Valores de Nova York (NYSE).
http://www.istoedinheiro.com.br/noticias/93005_MELHORES+DA+DINHEIRO+SABESP+VENCE+NA+CATEGORIA+SERVICOS+PUBLICOS

Um ranking elaborado com dados de saneamento básico nas cem maiores cidades do país aponta resultados melhores fora das capitais. As dez primeiras posições são ocupadas por cidades do litoral e do interior de Estados como São Paulo, Paraná, Minas Gerais e Rio de Janeiro.
Ranking das cidades avaliadas com o melhor saneamento básico do país:
1 - Santos SP (Sabesp)     2 - Maringá PR      3 - Franca SP 
(Sabesp)  4 - Uberlândia MG     5 - Jundiaí SP     6 - Sorocaba SP     7 - Limeira SP   8 - Uberaba MG       9 - Niterói RJ       10 - Londrina PR      11 - Brasília DF  12 - Curitiba PR  13 - Ribeirão Preto SP   14 - Montes Claros MG   15 - Ponta Grossa PR   16 – Belo Horizonte MG   17 - Contagem MG   18 – São Paulo  SP (Sabesp)   19 - Taubaté SP (Sabesp)     20 - São José do Rio Preto SP



6.   CIDADE DE SÃO JOSÉ DO RIO PRETO (SP).

Rio Preto é melhor cidade no país em prestação de serviços odontológicos.
Cidade tem, para o Conselho Federal de Odontologia, bom serviço gratuito.
Rio Preto possui o menor índice de cáries entre crianças em todo o país.

A ETE - Estação de Tratamento de Esgoto de São José do Rio Preto é referência nacional e internacional, desde que entrou em operação, em setembro de 2010.

São muitos os exemplos do pioneirismo do IMC (relação em anexo). Um dos marcos da história da cardiologia de Rio Preto foi em 1972, quando seus médicos demonstraram, pela primeira vez no mundo, que o marcapasso traz benefícios aos doentes de Chagas. Até então era consenso entre os médicos que o marcapasso ‘matava’ o doente de Chagas. Através de pesquisas científicas, o IMC comprovou que o aparelho salva mais do que mata a pessoa.
http://imcriopreto.com.br/imc/1-instituto-de-molestias-cardiovasculares

Rio Preto utiliza 100% dos restos da construção. Enquanto a cidade de Campo Grande está dez anos atrasada e dá destinação incorreta a todos os restos da construção civil, em torno de 1,8 mil toneladas por dia, as cerca de 1,2 mil toneladas de entulho produzidas em São José do Rio Preto, interior de São Paulo, por dia têm finalidade adequada.
  

7.    PATRIMÔNIO CULTURAL DA HUMANIDADE.

Brasília

        Brasília é uma cidade totalmente construída com idéias modernistas. O valor do seu plano urbanístico e de seus monumentos faz com que Brasília seja um marco mundial da arquitetura e urbanismo modernos. Assim, a Capital do Brasil foi o primeiro núcleo urbano, construído no século XX, considerado digno de ser incluído na lista de bens de valor universal, recebendo o título de Patrimônio Cultural da Humanidade, em 1987, pela UNESCO.

RIO DE JANEIRO

Rio recebe título de Patrimônio Cultural da Humanidade
Chancela da Unesco garante mais políticas públicas para áreas turísticas.
Votação do Comitê do Patrimônio Mundial da Unesco aconteceu na Rússia.

GOIÁS

A Cidade de Goiás, a 140 quilômetros de Goiânia, completará na quarta-feira (14) uma década como Patrimônio Cultural da Humanidade. O título, concedido pela Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco), reconhece a importância do conjunto arquitetônico formado por casas, igrejas e monumentos históricos.
http://g1.globo.com/goias/noticia/2011/12/cidade-de-goias-completa-10-anos-como-patrimonio-da-humanidade.html


VAMOS PARANDO POR AQUI PORQUE A POSTAGEM JÁ FICOU MUITO GRANDE COM TÃO POUCA COISA MOSTRADA DESSE IMENSO BRASIL...

terça-feira, 21 de agosto de 2012

MEU BRASIL BRASILEIRO NÃO É O PATINHO FEIO DO MUNDO.



Meu Brasil Brasileiro tem sangue Luso e não nasceu para ser o patinho feio de um planeta tão belo. Seu berço foi um Porto Seguro (BA). Mesmo com alguns “patriotas” fazendo questão de passar uma imagem hedionda de sua Nação...


JAPÃO
Kamagasaki é uma cidade situada ao sul de Osaka e quem a vê hoje, nem imagina que ela era uma grande vila operária há muitos anos atrás, com muitas ofertas de empregos. Hoje, ela é uma cidade praticamente habitada por uma população senil, a maioria com mais de 50 anos e boa parte deles, vivem sozinhos, nas ruas ou em pavilhões improvisados.
***
Kamagasaki, já foi palco de motins, manifestações, vandalismo, tráfico de drogas, corrupção do sistema previdenciário, envolvimentos da máfia Yakuza e conflitos intensos entre moradores e polícia.
***
Nisso virou uma confusão só, atearam fogo, viraram carros e foram mandados 6 mil policiais para conter a fúria e o vandalismo do povo ensandecido. Não deu outra: 110 pessoas feridas, sendo que 100 eram policiais e 28 manifestantes presos.

ESTADOS UNIDOS
A crise econômica que atinge os EUA está fazendo surgir comunidades de desempregados nos arredores de Nova York.
***
Um atalho na beira de uma estrada do estado de Nova Jersey leva a uma clareira com barracas de lona e roupas estendidas em varais improvisados.
Os primeiros vieram há cinco anos. Eram moradores de rua que não conseguiram ficar em alojamentos para desabrigados.


Muito tem se falado ultimamente do aumento na miséria nos Estados Unidos. Milhões perderam suas casas, que os bancos engolfaram a já seu imenso patrimônio – “o que é demais nunca é o bastante”, já disse o poeta. Seja como for, os acampamentos de sem-teto estão aumentando muito nos EUA. 
***
O que quero colocar aqui é que as casa de lata eram o símbolo da injustiça em um dos países mais injustos do mundo, que era a África do Sul sob o odioso regime que a raça branca por lá implantou. Mas poucos se dão conta da existência desse tipo de moradia também nos EUA – alias o Império do Mal apoiou o ‘apartheid’ até sua queda.

FRANÇA
Éric Visse, conhecido na rua como Nonô, vem da Bretanha, no Norte da França, e tem 29 anos. Cinco minutos antes dos trens da Gare de Lyon partirem, ele entra nos vagões e grita: "Senhores, senhoras, tenho 29 anos e vivo na rua. Sejam solidários: uma moedinha, um tíquete restaurante…". Sob um frio de zero grau, Nonô mora numa cabana junto com outros jovens, na rua, junto à estação.
http://oglobo.globo.com/economia/pobreza-em-alta-face-sem-glamour-da-franca-3510496#ixzz23TVSevrA


Pessoas vivendo em habitações miseráveis durante o inverno. Essas fotos poderiam ser da periferia de São Paulo, Porto Alegre, Curitiba ou qualquer capital brasileira que tenha uma estação fria. Só que não são daqui. São de Lyon, uma das cidades mais ricas da França.
http://perspectivabr.wordpress.com/2007/12/06/favelas-na-franca/


POLÔNIA
Stanislaw, um morador de rua de Varsóvia, na Polônia, improvisa sua moradia nas galerias subterrâneas do sistema de esgoto da cidade para se abrigar do frio. Pelo menos nove pessoas morreram de hipotermia no país na última madrugada, o que eleva a 29 o número de vítimas do frio na Polônia desde a chegada da onda de ar polar, na última sexta-feira.
http://noticias.terra.com.br/mundo/fotos/0,,OI186518-EI8142,00-Frio+intenso+castiga+populacao+pobre+e+causa+mortes+na+Europa.html


ESPANHA
Crianças brincam em uma favela sem saneamento básico. No chão, lama, fezes humanas, lixo e seringas de usuários de drogas. O poder público só se nota em um carro de polícia que vigia viciados em cocaína e heroína vagando por um descampado ao redor de uma paróquia.
A situação de precariedade -pior do que a de muitas favelas do Brasil- retrata um domingo na Cañada Real Galiana, a menos de 15 km de Madri, na Espanha.

ARGENTINA
O país tem, proporcionalmente, mais pessoas morando em favelas do que o Brasil. Um dos motivos que elevaram a favelização do país foi a grande quantidade de estrangeiros pobres.
Quase 7,5% dos 40 milhões de habitantes do país vizinho (3 milhões de pessoas) estão em "villas", segundo dados do Observatório da Dívida Social, instituto argentino ligado à Universidade Católica.
No Brasil, conforme o último Plano Nacional de Habitação do governo, o número de pessoas que moram em favelas ou assentamentos precários chega a 13 milhões, ou 6,8%, da população.


terça-feira, 14 de agosto de 2012

A MEDIDA DA INTENSIDADE DE UM AMOR.



Gaste o seu amor sem medo. Usufrua-o até o fim. Enfrente os bons e os maus momentos, passe por tudo que tiver que passar, não se economize. Sinta todos os sabores que o amor tem, desde o adocicado do início até o amargor do fim, mas não saia da história na metade. Amores precisam dar a volta ao redor de si mesmo, fechando o próprio ciclo. (Martha Medeiros)

♥♥♥♥♥♥

Que os momentos vividos jamais serão esquecidos, que "o pra sempre" fica eterno no coração, que sonhar engrandece a alma e enriquece a vida, aprender tudo isso é fácil para quem abre o coração ao amor.

♥♥♥♥♥♥

Para se ter o senso de medida de um amor, necessariamente, tem que se ter vivido um e percebido que:
- Quanto maior for o amargor do final... mais doçura existiu no início...
- Quantos mais tapas e palavras agressivas no final... mais beijos calorosos existiram no início...
- Quanto mais profunda for a dor do final... maiores foram os momentos felizes vividos...
Quem só sentiu tênues finais... percebe que assim foi desde o início... e ainda não teve a felicidade de viver um amor verdadeiro e pleno...


terça-feira, 7 de agosto de 2012

A LIBERDADE EXISTE?

Será que alguém consegue passar por essa vida, conseguindo ser LIVRE, sem sofrer exigências dos tipos:

- Políticas: Você tem que se revoltar contra alguma coisa, ou alguém, não pode ficar acomodado. Sempre querendo nos direcionar para a sua revolta já existente.
- Religiosas e filosóficas: Você tem que ajudar materialmente aquelas pessoas que julgamos que estão com necessidades (sendo que as nossas necessidades podem até ser maiores).
- Sociais e filosóficas: Você tem que ficar escravizado a algum trabalho material (mesmo sem necessidades financeiras), não seja vagabundo.
- Filosóficas: Você tem liberdade para pensar, mas terá que pensar como a gente.
- Religiosas e filosóficas: Você tem que aceitar a nossa filosofia, mostrando uma teoria belíssima, humanitária e altamente ética, mas que não seguem pelo exemplo.
- Num emprego público, mesmo sendo alguém essencialmente técnico: Você tem que ficar brigando por cargos e reclamando do salário, tem que "evoluir" seu acomodado!

Até quando é preciso de isolamento para poder voltar-se para dentro para uma autocura espiritual não é dada essa liberdade; sendo imputado tratamento químico e até mesmo encarcerado em um hospital.

Talvez seria fácil, para alguns, encontrar a felicidade, se lhes fosse deixado livres para seguir suas vidas acatando apenas as leis  morais e leis dos homens em vigor.