terça-feira, 10 de abril de 2012

JURAMENTOS. (EU JURO!!!)

QUANTOS VOCÊ JÁ FEZ? (De forma espontânea ou de forma forçada). E muito melhor que isso, quantos foram cumpridos?

“Hoje jura-se muito. Mas cumpre-se pouco a palavra dada. Esta falta de carácter está a tornar-se característica vulgar da nossa sociedade. Toda a gente promete. Faz juras. Garante. Mas, quanto a cumprir, estamos conversados. Falham os grandes e os pequenos. Operários e patrões. Ricos e pobres. Instruídos e incultos.
É pena! Pois sobre a palavra dada é que se constroem as grandes obras da vida. Nela se baseia o bem comum.”
12-01-2012 por Ricardo Stockler- http://www.oregional.pt/pt/newspaper/3396/opiniao/juramentos.htm



NO ALTAR DE UMA IGREJA
Eu te prometo ser fiel, amar-te e respeitar-te, na alegria e na tristeza, na saúde e na doença, na riqueza e na pobreza todos os dias da nossa vida.

EM UM TRIBUNAL
Meirinho (aproximando-se com a Bíblia): Jura dizer a verdade, somente a verdade, nada além da verdade? (Os tribunais cristãos usavam a Bíblia como Livro da Lei e, com a mão sobre ele, eram feitos os juramentos. Como nunca estive envolvido em processos judiciais e tenho pouco conhecimento sobre eles, não sei se a Bíblia continua sendo usada).

NUMA FORMATURA DE MÉDICOS
"Prometo que, ao exercer a arte de curar, mostrar-me-ei sempre fiel aos preceitos da honestidade, da caridade e da ciência, penetrando no interior dos lares, meus olhos serão cegos, minha língua calará os segredos que me forem revelados, o que terei como preceito de honra. Nunca me servirei de minha profissão para corromper os costumes ou favorecer o crime. Se eu cumprir este juramento com fidelidade, goze eu para sempre a minha vida e a minha arte de boa reputação entre os homens; se o infringir ou dele afastar-me, suceda-me o contrário." (Hipócrates. 450 a.c.)

NUMA FORMATURA EM DIREITO
"Juro, no exercício das funções de meu grau, acreditar no Direito como a melhor forma para a convivência humana, fazendo da justiça o meio de combater a violência e de socorrer os que dela precisarem, servindo a todo ser humano, sem distinção de classe social ou poder aquisitivo, buscando a paz como resultado final. E, acima de tudo, juro defender a liberdade, pois sem ela não há Direito que sobreviva, justiça que se fortaleça e nem paz que se concretize."  (http://www.guiadeformatura.com.br/juramento.php)

NUMA FORMATURA EM SERVIÇO SOCIAL
Juro solenemente como Bacharel em Serviço Social, seguir meus ideais e princípios éticos - à basear-me pelo reconhecimento da liberdade como valor ético central, buscar a emancipação e plena expansão dos indivíduos e direitos sociais e políticos. Juro defender intransigentemente os direitos humanos para consolidar a cidadania considerada tarefa primordial de toda sociedade, em defesa da democracia. Juro empenhar-me a favor da eqüidade e justiça social, respeitar toda à diversidade e indignar-me contra qualquer forma de preconceito. Juro buscar uma nova ordem societária livre da dominação e exploração capitalista que impera em favor de alguns e detrimento de muitos. Assumo, com isso, o compromisso de prestar serviço eficaz a população e assim combater as múltiplas expressões da questão social que assolam a humanidade. (http://www.toformando.com/juramentos.php?ac=mostrar&id=39)

JURAMENTOS A DEUS
Muitos fazem juramento a Deus. Alguns deles, por já saber que não irão cumprir, imediatamente passam a se martirizarem pela punição que virá. Outros, quando acontece algo ruim em suas vidas, culpam seu juramento não cumprido. Outros ainda sentem necessidade de fazer penitências para seu corpo pagar o que o espírito não cumpriu...

SE OUSASSE RELACIONAR TODOS OS JURAMENTOS QUE O HOMEM FAZ, SERIA NECESSÁRIO EDITAR UM LIVRO BEM VOLUMOSO.

POR QUÊ SERÁ QUE O HOMEM SENTE TANTA NECESSIDADE DE FAZER JURAMENTOS (QUE MUITAS VEZES VIOLAM DESCARAMENTE, E SEGUEM SUAS VIDAS NORMALMENTE SEM QUALQUER RESQUÍCIO DE REMORSO)? SERÁ QUE DEVIDO A SUA CARACTERÍSTICA INATA VOLTADA AO MAL SENTE NECESSIDADE DE MASCARÁ-LA? QUEM É DO BEM NÃO NECESSITA FAZER JURAMENTO, MAS QUANDO O FAZ DE FORMA OBRIGATÓRIA, E COM PENALIDADES PARA O NÃO CUMPRIMENTO, OFERECE UMA PODEROSA ARMA AOS MAUS. QUEM É DO MAL SENTE NECESSIDADE IMPERIOSA DE FAZÊ-LO PARA PODER TER FORÇA DE ILUSÃO...

★★★♥♥♥★★★♥♥♥★★★♥♥♥★★★♥♥♥
★★★♥♥♥ O VERDADEIRO HOMEM DE BEM NÃO SENTE NECESSIDADES DE FAZER JURAMENTOS. E MESMO TENDO SIDO OBRIGADO A FAZÊ-LOS, NUNCA PERMITIRÁ QUE ALGUÉM SE INTERPONHA ENTRE DEUS E SUA CONSCIÊNCIA LIMPA. ♥♥♥★★★
★★★♥♥♥★★★♥♥♥★★★♥♥♥★★★♥♥♥



2 comentários:

Anônimo disse...

Muito lindo gostei muito e verdade infelizmente isso hoje se passa muito .Anos atraz nada diso somente a confiansa bastava hoje ja nao existe mais confiansa e sim desconfiansa em tudo todos e uma pena e Deus com certeza nao gosta destas coisas de hoje .

Mary disse...

Gostei da postagem, realmente jura se e não se cumpre, já esta ficando até "normal".
bjs