sábado, 27 de agosto de 2011

AH! VIDA! DÁDIVA DIVINA!

     Como pode ter quem passe pelo nosso mundo sem viver a vida!
     Passa sofrendo e chorando constantemente:
    - Dizendo nunca tive sorte, sou tão infeliz. Mas esquece que nem se levantou quando a felicidade bateu em sua porta.
   - Não aceitando a felicidade que alguém esteja lhe oferecendo dizendo que um dia foi magoado, preferindo sofrer em dobro por algo que talvez tenha apenas imaginado.
   - Não aproveitando as oportunidades surgidas, muitas vezes dizendo “o que tiver que ser será”, “se estiver escrito nas estrelas” e, depois, lamentando por tê-las desprezado.
  O maior pecado que cometemos é NÃO VIVER A VIDA, porque ela é única e nos foi oferecida para ser vivida, mas, sem depravações.

Um comentário:

rosangelaSgoldoni disse...

É Poeta,
lamento pelos que assim procedem.
Com todos os seus percalços, viver é uma bênção.
Parabéns pelo texto.